Equipe ACCIONA | SAINZ XE termina o Ocean X Prix no 6º lugar da classificação geral

COMPARTILHAR

31/05/2021

Carlos Sainz e Laia Sanz terminam o evento senegalês com mais 10 pontos para o campeonato, chegando à 6ª colocação. O desempenho da equipe foi comprometido no sábado por falhas no carro durante a classificação.

Pilotos: Carlos Sainz e Laia Sanz

Carro: Odyssey 21 (potência máx. 554 CV, 0–100 km/h em 4,5 s, velocidade máx. 200 km/h)

Local: Lago Rosa, Senegal

Datas: 29 e 30 de maio de 2021

Resultados

Sábado
Classificação 1:
Classificação 2: 11:23.131
Resultado P9, +1 lap
Domingo
Shoot Out: P2

 

A equipe ACCIONA | SAINZ XE terminou o Ocean X Prix na 2ª posição da corrida de Shoot out. Com esse resultado, a equipe encerra o X Prix em 8º lugar na segunda rodada do campeonato e ocupa o 6º lugar na classificação geral do Extreme E.

Carlos Sainz e Laia Sanz ficaram ontem na corrida de consolação, após uma falha prejudicar o tempo da dupla na 1ª Classificatória: uma perda de pressão de água resultante de um vazamento no radiador do motor elétrico do Odyssey 21.

Na 2ª Classificatória, eles apresentaram um ritmo que teria sido suficiente para chegarem confortavelmente às semifinais, mas o resultado da classificatória anterior comprometeu o resultado final.

Neste domingo, Carlos Sainz tornou-se líder na Shoot Out com uma excelente saída e a volta mais rápida da corrida. Laia Sanz assumiu o Odyssey para completar a segunda metade da prova e cruzou a linha de chegada na 2ª posição.

O Arctic X Prix é a próxima rodada no calendário do campeonato Extreme E, que será realizada nos dias 28 e 29 de agosto em Kangerlussuaq, na Groenlândia. Essa etapa terá foco na redução das geleiras e no derretimento do mar Ártico como resultado do aquecimento global.

 

DECLARAÇÕES

Carlos Sainz, piloto:

“Obviamente, não foi o fim de semana que esperávamos. Pelo lado positivo, quanto ao ritmo, tivemos um resultado melhor do que na Arábia Saudita. É uma pena que isso não tenha refletido nos resultados, mas prefiro ver o copo metade cheio em vez de metade vazio, então focarei no positivo. No nosso ritmo, nos aproximamos mais dos primeiros colocados, e é uma pena que não tenhamos conseguido provar isso.”

Laia Sanz, piloto:

“É uma pena que este fim de semana tenha terminado assim porque o circuito foi bastante favorável para nós, e nos treinos livres tanto Carlos quanto eu nos sentimos muito bem. Tivemos azar com a falha na 1ª Classificatória que acabou com todas as nossas chances no fim de semana. Hoje, tentamos melhorar para obter informações valiosas para o próximo X Prix, que será na Groenlândia. Precisamos focar no lado positivo deste fim de semana, que é conhecermos cada vez mais o carro e eu também estar ganhando mais experiência. Esperemos ter resultados melhores na próxima corrida.”

Albert Fàbrega, equipe principal:

“Obviamente, não podemos dizer que estamos felizes com o fim de semana. O lado positivo é que Carlos e Laia demonstraram na corrida de hoje que estamos equiparados com os mais rápidos do campeonato e que temos velocidade para chegar a melhores resultados nas próximas etapas. O campeonato é assim, e o problema que tivemos ontem prejudicou todo o trabalho de preparação que fizemos e o desempenho que Carlos e Laia têm mostrado. Deixamos Dakar convencidos de que temos a velocidade e os pilotos para melhor colocação nas próximas corridas. Esse será nosso objetivo no três X Prix restantes do campeonato.”

 

ARTIGOS RELACIONADOS

ARTIGOS RELACIONADOS